sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Amar É... completar um álbum de figurinhas!

Uma das coisas mais legais de se colecionar são os álbuns de figurinhas. Atualmente, não sei se tais publicações fazem muito sucesso, acho que as crianças já nem ligam tanto pra possibilidade de ir até a banca, comprar um livro ilustrado, passar meses procurando cromos difíceis e, principalmente, se divertir muito com isso. Mas, como o objetivo do ColorScreen é resgatar coisas legais de nossas memórias, pretendo falar de vez em quando sobre coleções de figurinhas que marcaram. Nesse post, dedicado principalmente às leitoras do blog, vamos relembrar um das mais famosas coleções: "Amar É..."!

Nos anos 60, a artista Kim Casali resolveu agradar seu então namorado e futuro marido, Roberto Casali, desenhando pequenos bilhetinhos de amor, com um casal apaixonado, colocado em situações corriqueiras de um relacionamento. O casal, cujo nome não é revelado, é sempre retratado sem roupas (não havendo nenhuma conotação erótica nisso), sempre juntos ou, quando sozinho, pensando no parceiro, e vivenciando algum aspecto romântico da vida a dois, retratado sempre com o mesmo título: "Amar É...".

Pouco tempo depois, o casal neo-zelandês percebeu o potencial comercial dos personagens, que logo foram transformados em tira de jornal e viraram um ícone do mercado editorial, simbolizando o amor, sentimento mundialmente identificável. A publicação foi traduzida em inúmeros países, sempre com o título seguindo o padrão da coleção, como "L'amore è..." (Itália), "Amor Es..." (Espanha), "Ljubov' eto" (Rússia), "Liebe Ist..." (Alemanha) e "Αγάπη είναι..." (Grécia).

No Brasil, a história da coleção também é longa. O álbum já teve diversas versões, desde seu primeiro lançamento, nos anos 70, com relançamentos freqüentes desde então. Os personagens também já foram usados de outras maneiras, como cards distribuídos em jornais, cadernos, camisetas e etc. Agora os direitos do material são de propriedade da editora Deomar, que já lançou uma versão em 2007 e agora, no fim de 2009, está lançando uma nova edição (cuja capa ilustra esse parágrafo; para maiores detalhes, clique aqui).

Kim Casali faleceu no ano de 1997; desde então, Stefano Casali, assumiu o lápis e continua publicando as tiras de jornal com os personagens, porém sem assinar seu nome, e sim o de sua mãe, como na época em que ela era responsável pela arte das tirinhas. Até hoje, o casal apaixonado é popular em todo o mundo, sendo publicado em jornais e álbuns de diversos países e também citado ou parodiado constantemente em séries e filmes, como "That '70s Show", "Os Simpsons" e "Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças".

Abaixo, confira todas (ou a maior parte das) as versões brasileiras do álbum, dos anos 1979, 1982, 1991 (capa em forma de coração), 1996, 2005 e 2007 respectivamente. Clique para ampliar:


E você, lembra de "Amar É..."? Chegou a colecionar? E que outros álbuns de figurinhas gostaria de ver relembrado aqui, no ColorScreen? Comente! E também siga o ColorScreen no Twitter!

9 comentários

Edmilson 28 de novembro de 2009 23:15  

Caro Paulo, claro que eu me lembro destas "figurinhas". Não as colecionei, mas tinha sempre algumas dentre as folhas do caderno. Era "tiro e queda", as "minas" viam e logo se chegavam. Na hora do "recreio" era o modo mais fácil de ficar cercado pelas meninas mais bonitas da escola. Bons tampos. Abraços.

Paulo Almeida Prado 29 de novembro de 2009 00:07  

Edmilson, olha só! huahuauhhau

que interessante, a tática de paquera! legal! hahahahhah

abs :D

Mel 29 de novembro de 2009 01:37  

Cara, seu blog é muito bom. Continue assim com boas idéias e parabens!

Paulo Almeida Prado 29 de novembro de 2009 11:27  

mel, obrigado pela visita e pelo comentário!

volte sempre!

Douglas Donin 9 de dezembro de 2009 20:34  

Hoje em dia isto seria impossível. Um casal de crianças peladas? Pedofilia!!

Onde será, no meio do caminho, que deixamos cair a inocência?

Paulo Almeida Prado 9 de dezembro de 2009 22:08  

Ah, mas Douglas, ainda é publicado! E os personagens não são crianças, e sim, adultos!

Anônimo 8 de março de 2011 18:57  

Sim, provavelmente por isso e

Patrícia Fortuna Santiago 27 de junho de 2011 11:49  

Olá, adoro a coleção Amar é e estou louca para comprar o Livro, gostaria de saber onde poço encontrar.

Forte abraço.

Patrícia Santiago
phdsantiago@hotmail.com

Paulo Almeida Prado 27 de junho de 2011 20:18  

Oi, Patrícia,

eu não sei onde você pode encontrar, fora em um site. Um bom lugar para tentar é o Mercado Livre, veja só, tem alguns vendendo lá:

http://lista.mercadolivre.com.br/amar%20%C3%A9

Obrigado pela visita!

Related Posts with Thumbnails

  © Free Blogger Templates Spain by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP