sexta-feira, 12 de junho de 2009

Dossiê ColorScreen: Pato Donald - 75 anos!

Nesta semana, comemorou-se o aniversário de 75 anos de um dos mais queridos personagens do universo Disney: o Pato Donald! Então, nada melhor que homenageá-lo, com mais um Dossiê ColorScreen!!!

Em 09 de junho de 1934, Donald fazia sua primeira aparição. E, como sempre, já apareceu roubando a cena no desenho "A Galinha Sábia", no qual já demonstrava sua forte e marcante personalidade. Confira aí o curta animado:



Ao lado, você confere o primeiro rascunho do personagem, para a produção do curta acima. Logo Donald conquistou alto destaque no universo Disney, que até então carecia de um personagem com temperamento mais explosivo, fugindo um pouco da personalidade certinha de Mickey ou do jeito atrapalhado de Pateta. Seja ao lado destes ou sozinho, Donald logo se transformou em astro, ganhando seus próprios desenhos solo, além de uma série que contracenava com Mickey e Pateta. Em 1938, o pato começava sua trajetória nos quadrinhos, através de sua tira nos jornais norte-americanos.

Um dos maiores responsáveis pelo carisma do personagem foi Clarence Nash (na imagem ao lado, com o personagem que o tornou famoso em todo o mundo). Até então um agricultor, Nash foi incentivado a tentar a vida como imitador, pelo seu grande talento de reproduzir sons de animais. Primeiramente trabalhando como locutor de rádio, chamou a atenção de Walt Disney, que o convidou para um teste. Nascia aí uma parceria duradoura: Clarence dublou o personagem até sua morte, em 1985. Inclusive, por muito tempo, Nash fez a voz de Donald em vários idiomas, inclusive o português, como nos filmes ao lado de Zé Carioca (o dublador lia os diálogos escritos de maneira fonética, o que possibilitava sua atuação mesmo em idiomas que não dominava).

Em 1937, Donald ganhou seu par romântico, no desenho "Don Donald", primeira animação protagonizada pelo pato(assista clicando na imagem ao lado). Era Donna Duck, que voltaria reformulada e para ficar. Em 1940, surgia Margarida (Daisy Duck), no cartoon "Mr. Duck Steps Out", que você pode assistir clicando aqui. Margarida é uma pata sofisticada, sempre envolvida com assuntos da moda, já tendo diversas profissões, como jornalista, e que tem o mesmo temperamento de Donald, porém de uma maneira mais suave.


Nos anos 40, Donald serviu como instrumento político dos Estados Unidos. Podemos citar dois momentos diferentes, fundamentais na biografia do personagem. Em 1942, Donald protagonizou "Der Fuehrer's Face" (A Face do Führer), no qual é retratado como um operário alemão, sofrendo as consequências do pesado regime nazista. No final, Donald acorda, percebe que tudo isso foi um pesadelo, e fica feliz em ser norte-americano, e viver sob o american way of life. Até hoje, esse desenho desperta polêmica, mas o fato é que a propaganda foi eficaz, tanto que a obra ganhou o Oscar de Melhor Curta de Animação, em 1943. Assista o curta, legendado, clicando na imagem ao lado (pobre Donald...hahaha).

Outro ponto fundamental na vida do pato é sua relação com os vizinhos latinos-americanos. No começo dos anos 40, como parte da política vigente, Walt Disney foi contratado pelo governo para produzir desenhos animados mostrando a integração entre EUA e o resto do continente americano. Após uma visita que incluiu diversos países, como México, Argentina e Brasil, a equipe Disney trouxe várias novidades. Um novo personagem, o brasileiro Zé Carioca, simbolizando nosso país, além de dois filmes. Em "Alô Amigos", de 1942, o papagaio recepciona Donald no Brasil, mostrando diversos aspectos de nossa cultura, como o samba. Já em "Você Já Foi à Bahia?", de 1944, a dupla ganha a companhia de Panchito, o galo mexicano, e continua explorando diversos aspectos da cultura e da vida dos sul-americanos. Veja a seguir um trecho mostrando o primeiro encontro entre Donald e Zé Carioca, em "Alô Amigos":



Com o passar do tempo, um universo foi criado para orbitar em torno do personagem. Além de Margarida, podemos destacar sua família, com personagens como Tio Patinhas, os sobrinhos Huguinho, Zezinho e Luisinho, Vovó Donalda, Gastão, Professor Pardal e muitos outros. Todos foram inseridos na cidade de Patópolis, palco de boa parte de suas aventuras. Podemos, em boa parte, creditar tudo isso a um só homem: Carl Barks, artista/roteirista da Disney, responsável por criar e desenvolver toda a história e o universo dos patos. Barks merece um post a parte, isso aqui é uma mera menção a alguém que não poderia ficar de fora da biografia do Pato Donald.

Após décadas sem protagonizar um desenho (em "Ducktales", por exemplo, de 1987, só faz uma pequena participação), tendo somente destaque nas histórias em quadrinhos,Donald finalmente voltou ao estrelato. Em 1996, foi lançado o desenho "TV Quack Quack" ("Quack Pack" no original). Dessa vez, Donald se vê obrigado a lidar com seus sobrinhos na adolescência, passando pelas dificuldades e confusões dessa fase da vida. A série é bem divertida, e fez sucesso no Brasil quando exibida pelo SBT, no programa "Disney Club".

Algumas curiosidades sobre Donald:
-Sua roupa de marinheiro vem do fato que tal estilo era muito comum na primeira metade do século XX, mesmo para pessoas não pertencentes à Marinha.

-Seu nome completo, revelado em um cartoon dos anos 40, é Donald Fauntleroy Duck.

-Em 1977, na Finlândia, os quadrinhos de Donald foram banidos. Supostamente, a versão oficial era a de que, devido ao fato do pato não usar calças, ocorria uma agressão aos bons costumes. Anos mais tarde, descobriu-se que o motivo da proibição era protecionismo aos produtos nacionais, porém a história das calças é a que ficou eternizada.

-É o personagem Disney que mais participou de curtas animados, 128 ao total, à frente inclusive de Mickey.

Para terminar, alguns wallpapers do Pato Donald, clique para ampliar! E feliz aniversário, Donald!


12 comentários

Karine 12 de junho de 2009 15:43  

Eu simplesmente AMO o Donald Duck!! Ótimo Post!!

Jessie 13 de junho de 2009 12:03  

Lindo Post!
Pra quem tinha dúvidas em fazer ou não um blog, vc está se saindo muitíssimo bem, Paulo, titia fica orgulhosa de você, rsrsrs.

Betty CIres 14 de junho de 2009 09:18  

Oi, Paulo.
Parabéns pelo blog! Super lindo, textos bem escritos e muito capricho! Adorei. Já estou te seguindo no Twitter.

shirley paradizo 14 de junho de 2009 10:59  

olá, parceiro... muito bacana este post so níver do Donald!!! parabéns

bjos
shirley

sonia 14 de junho de 2009 12:25  

Amei o post!
vc mandou muito bem...

danieltamayo 14 de junho de 2009 12:45  

Meu segundo favorito, perde só pro pateta. Nem lembrava mais desse ultimo desenho, era muito massa! Muito legal o post =D adoro passar aqui e reviver minha infância.

Paulo Almeida Prado 14 de junho de 2009 15:03  

obrigado a todos os comentários :D

quem tiver sugestões de próximos posts desse estilo, pode falar!

ah, daniel, em breve farei um parecido, sobre o pateta! :D

Silas 18 de junho de 2009 20:51  

muito legal as informações desse post.

Muito legal, Pato Donald com certeza é o personagem mais importante da Disney.

Elizabete GG 10 de julho de 2009 06:59  

Bom Dia, venho por este meio solicitar o preço e o tamanho de um fato. E o fato de pato donald e o tamanho é para 8 anos. Queria também frisar que estou com uma certa pressa, pois preciso do fato para o dia 19 de Julho de 2009. Muito obrigada pela atenção, aguardo ansiosamente.
Ass:. Elizabete Gaspar Garcia
elizabetegg@gmail.com

Paulo Almeida Prado 10 de julho de 2009 12:13  

Olá
Elizabete, voce comentou isso, mas infelizmente nao posso te ajudar. Eu nao trabalho com roupas, trajes, fatos...só publiquei um artigo relembrando a história do personagem Donald, não trabalho com isso.

Boa sorte na procura!
Paulo

Tranquilino27 7 de agosto de 2009 08:42  

Kara.Nunca fui muito fã do pato mas devo admitir que ele foi protagonista de um dos melhores clássicos da Disney,na época da política da boa vizinhaça americana,com o Zé Carioca e Panchito,clássico absoluto.

Dúvida:Vcs lembram do episódio onde Donald encontra um pássaro meio maluco que anda cantando algo como um samba?É também muito legal.

Ei.Bem que vc devia fazer um dossiê do Zé Carioca também,o que vc acha.

Muito bom o teu blog.

Paulo Almeida Prado 7 de agosto de 2009 16:25  

tranqulino, obrigado!

vdd, o zé carioca é uma boa idéia prum próximo!

sim, lembro, vc ta falando do aracuã, aquele pássaro que aparece no "você ja foi a bahia?", e fica infernizando o donald né... tem mais coisas sobre ele aqui:

http://www.disneypedia.com.br/personagens/foliao-aracua/

Related Posts with Thumbnails

  © Free Blogger Templates Spain by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP